Décima newsletter

Ilustração por Grace Helmer

Ilustração por Grace Helmer

Há uma geração no Japão a morrer de solidão. Não vamos deixar o esquecimento moldar os nossos dias. Pelo sim, pelo não, vamos apelar à memória. Num futuro tecnológico, a inteligência tem de estar em nós. Entre a pessoa que somos e aquela que queremos ser, há toda uma história para contar. O Alex Turner só queria ser um dos The Strokes, acabou a ganhar dinheiro fácil . Em caso de dúvida, não nos deixemos levar pela falácia de que tudo está bem.

Nona newsletter

Ilustração por Grace Helmer

Ilustração por Grace Helmer

Que o design seja sempre uma ferramenta para o bem e não para o mal. E se a mudança não chegar através destas iniciativas, que chegue através de novas histórias. O futuro precisa de ter alma, já o modernismo assim dizia. Mas vamos apostar no futuro e não ficar presos ao passado.
Agora resta descansar e esperar que amanhã não acordemos assim.

Terceira newsletter

Ilustração por Grace Helmer

Ilustração por Grace Helmer

Hoje ouvi um senhor contar que quando era criança as estações tinham cheiros e só havia alfaces no verão. Eu disse que conseguia imaginar, ele disse que eu não fazia ideia. Falando em coisas que gostaríamos que não fossem verdades, este filme está em loop na minha cabeça há dezaseis dias. Falando em tempo, que é feito do aborrecimento sem fim? Será outro sinal dos novos tempos? Talvez. Se ao menos as confusões entre o presente e o passado fossem sempre assim tão belas.

Segunda newsletter

Ilustração por Karl Joel Larsson

Ilustração por Karl Joel Larsson

Sentimentos de outono em ilustrações sem género. Vergonhosamente sós sem direito a tons pastel. Para afastar más lembranças ouvem-se conversas em viagens de autocarro. Falando em memórias, lembram-se quando a amizade era saber o número de telefone de cor? Os tempos mudam e já não podemos acreditar que fronteiras são apenas linhas imaginárias. O melhor é mesmo relembrar o passado para melhorar o futuro. Vamos então começar a semana em bom tom.